O contedo desta pgina requer uma verso mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Fiero apoia criação de nova Universidade Federal

Publicado Afotorm - 22/02/2016

Em audiência pública, nesta 5ª na ALE, representantes da Federação manifestam interesse na proposta e pedem cursos voltados ao setor produtivo

Foto: Assessoria

rolim-de-moura

Professora doutora em educação Raquel Serbino, assessora da Fiero, fala durante a audiência pública

A Federação das Indústrias de Rondônia (Fiero) apoia a iniciativa para criação de uma nova universidade federal no estado, desde que traga em sua grade cursos que atendam as demandas do setor produtivo. "Criar e estruturar uma nova universidade federal com as cadeiras que já temos, não traria uma grande contribuição, sobretudo, para a produção e para o desenvolvimento", disse a assessora especial da Fiero, a doutora em educação Raquel Serbino, ao participar, na manhã desta quinta-feira, 18, de audiência pública na Assembleia Legislativa para debater o tema.
Convocada pelo deputado Laerte Gomes (PEN-Alvorada do Oeste), a audiência pública que tratou da criação de uma nova universidade federal em Rondônia a partir do desmembramento da Universidade Federal de Rondônia (Unir), contou com a participação de vereadores de Ji-Paraná, com a reitora Berenice Tourinho, da Unir, e vários professores daquela IES, de representantes de vários municípios, da Federação das Indústrias de Rondônia e da Defensoria Pública do estado. Debateu-se, durante cerca de 3 horas, os prós e os contra para a implantação de uma nova universidade federal no estado, desta vez contemplando a região central.
O assunto, aliás, já é debatido há 12 anos, segundo a reitora da Unir, Berenice Tourinho, "e já existe até um comitê trabalhando por essa nova universidade há alguns anos, tendo inclusive realizado audiências públicas em vários municípios da região central de Rondônia". O professor Kécio Leite, do Campus da Unir de Ji-Paraná, fez uma apresentação em slides mostrando a viabilidade da implantação da nova universidade federal.
Em sua exposição, o professor Kécio mostrou as vantagens da implantação dessa nova universidade federal por reduzir as desigualdades regionais, falou do que Rondônia representa para o Brasil em número de habitantes e citou que há, em outras regiões, vários municípios com número bem menor de habitantes, mas que contam com uma universidade federal.
Vários professores da Unir falaram favoravelmente à criação da nova universidade federal, que também teve o apoio dos deputados Dr. Neidison, de Guajará-Mirim, e Léo Moraes, de Porto Velho.
O superintendente da Fiero, Gilberto Baptista, disse ao final da audiência, que o deputado Laerte Gomes acertou ao levar esse debate para a Assembleia Legislativa. "Pela sua visão para o desenvolvimento de Rondônia, o deputado Laerte Gomes vem revelando-se uma liderança da região central de Rondônia e vem sendo um grande parceiro do setor produtivo, que também tem contado com o apoio de vários outros parlamentares", disse Baptista.
A audiência pública encerrou-se com o compromisso de continuar mantendo o assunto da criação da nova universidade federal em Rondônia na pauta, passando agora a angariar apoio da bancada federal para levar o projeto ao Ministério da Educação e, daí, ao Palácio do Planalto, que tem a prerrogativa de enviar o projeto ao Congresso Nacional.
Assessoria de Comunicação Social do Sistema Fiero

 


 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do Sistema Fiero